Trending

Descoberta da Covid faz dois anos sob forte onda

 


Dois anos após a descoberta dos primeiros casos da doença. Exatamente no dia 31 de dezembro de 2019 a China comunicava à OMS (Organização Mundial da Saúde) um surto de pneumonia viral de origem desconhecida em que já haviam adoecido 44 pessoas na cidade de Wuhan, na província de Hubei, naquele mês de dezembro.




Ligação com o mercado de frutos do mar e animais vivos Huanan. Inicialmente, autoridades locais informaram que não havia indícios de transmissão da doença entre humanos.




Ásia: a de Sars (síndrome respiratória aguda grave), causada pelo coronavírus Sars-CoV entre 2002 e 2003, que infectou cerca de 8.000 pessoas e deixou 774 mortos.




Por vir, todavia, era algo infinitamente maior do que a Sars.




Vítima da pneumonia misteriosa, um homem de 61 anos que estava internado em um hospital de Wuhan.



Causador da doença, elucidando as primeiras dúvidas acerca da infecção.



Betacoronavírus, muito semelhante ao causador da Sars. O patógeno é nomeado de Sars-CoV-2.




Transmissão pelas vias respiratórias que causava febre, dificuldade para respirar e, em alguns indivíduos, um quadro de pneumonia – outros sintomas foram identificados nas semanas seguintes, como perda do paladar e olfato.




Guangzhou, chegaram a divulgar que o pangolim era o animal que seria o hospedeiro intermediário do vírus (originalmente encontrado em morcegos). Todavia, até hoje não se sabe com exatidão a origem do Sars-CoV-2.




Pessoa infectada pelo Sars-CoV-2 em 13 de janeiro. Era um viajante de Wuhan.




Plausibilidade da transmissão entre humanos do vírus, tendo em vista que o mesmo havia ocorrido com o Sars-CoV e com o Mers-CoV, que causou um surto de Mers (síndrome respiratória do Oriente Médio) em 2012. Em 28 de janeiro, essa hipótese acaba sendo confirmada pela entidade.



História recente do planeta ao isolar 26 milhões de habitantes na província de Hubei.  



Polícia é posta nas ruas para evitar que a população saia de casa. Qualquer um que apresentasse sintomas gripais seria levado obrigatoriamente para um centro de isolamento.




Confirmam o primeiro caso de infecção pelo coronavírus no estado de Washington. Era um viajante que havia retornado da China. A França reporta..




Diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, anuncia que o Comitê de Emergência da entidade havia chegado a um consenso sobre o surto na China: ele representava uma emergência de saúde pública de interesse internacional.



Relatos de 7.818 casos confirmados em todo o mundo, sendo 82 deles em 18 países.




China corria contra o relógio para construir dois hospitais de campanha em Wuhan. O primeiro deles, com 1.000 leitos, foi concluído em 2 de fevereiro, dez dias após o início das obras.






FONTE: R7,CONTEÚDO CRIADO POR BRASIL NOTICIAS ONLINE 1

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem